Colecionando Memórias #4 – Rachando um Jogo

Não é nenhum segredo que os jogos sempre foram caros, ainda mais quando a inflação fazia os preços serem remarcados todos os dias. Mas sempre se dava um jeito para conseguir jogos, seja alugando, pegando emprestado e até mesmo rachando a conta com algum amigo. E foi isso que eu fiz para ter em mãos uns dos jogos que me fez amar o SNES como nunca antes, então vamos lá  relembrar de mais uma memória gamística junto comigo!

Você pode gostar...